quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Muçulmanos atacam pastor evangélico que pregava na Índia

A acusação era de que ele estava obrigando muçulmanos a se converterem

O site do Portas Abertas recebeu a informação de que um pastor foi atacado por muçulmanos por estar pregando o evangelho para a população.
No dia 23 de novembro o pastor Lewis Mascarenhas ministrava para um público formado por muçulmanos que começaram a questionar a fé do pastor iniciando assim uma discussão a respeito da natureza divida de Cristo e de seus ensinamentos.

Para responder as questões o pastor calmamente teria distribuído algumas literaturas com as respostas bíblicas para as questões levantadas pelos presentes enquanto a notícia sobre a pregação corria pela cidade.
Furiosos, alguns muçulmanos se juntaram achando que o Mascarenhas estava obrigando os ouvintes a se tornarem cristãos e partiram para o ataque.
Mesmo estando gravemente ferido o pastor foi levado à delegacia onde os acusadores fizeram uma queixa contra ele dizendo que ele estava impondo sua fé aos demais. Após a abertura do processo os policiais levaram o pregador para o hospital sob custódia da polícia.
Por este motivo os muçulmanos radicais passaram a atacar diversas igrejas em Hospet e a proteção policial foi necessária também em instituições que são administradas por cristãos.
Fonte: Gospel Prime

0 comentários:

Postar um comentário