quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Campanha de jejum e oração em favor de cristãos presos no Togo

Eles foram acusados de fazerem parte de uma rede de tráfico de sangue, mas não há provas contra os dois cristãos

Adventistas de todo o mundo estão organizando uma mobilização de oração em favor de dois cristãos que estão presos no Togo, um país localizado na Costa Oeste da África.
O dia marcado para esta grande campanha de jejum é 1º de dezembro, ao longo deste dia um grande clamor será levantado pedindo pela libertação de Antonio dos Anjos Monteiro e Bruno Amah.

Esses dois cristãos foram detidos em março de 2012 sob a acusação de conspiração para cometer assassinato depois que ambos foram acusados de fazer parte de uma suposta rede de tráfico de sangue naquele país.
No site www.pray4togo.com encontramos a explicação desta história, o acusador já havia confessado o assassinato de cerca de 20 jovens, alegando que trabalhava para um esquema criminoso de tráfico de sangue humano.
Monteiro nasceu em Cabo Verde e mora em Togo desde 2009 atuando na sede administrativa da Igreja Adventista conhecida como União Missão Sahel, em Lomé.
Policiais realizaram uma busca na residência do pastor para tentar encontrar provas de que ele estaria envolvido no crime, mas nada foi encontrado. Diversos advogados e ativistas de direitos humanos estão se mobilizando para tentar libertar os dois acusados.

0 comentários:

Postar um comentário